Habelo

Minha filha tem pavor de animais

Pergunta

Minha filha está com medo de animais e pássaros. Acima de tudo, ela tem um terrível medo de cães e é histérico quando vê um.

Ela nunca foi mordido ou qualquer coisa assim, mas ela se manifesta em tal agitação e sudorese que sentimos por ela.

Existe alguma maneira você poderia sugerir que tentar ajudá-la?

Tentamos apresentá-la aos cachorros e assim por diante, mas ela não vai deixá-los perto dela.

Seu medo está fora de qualquer proporção com a criança simplesmente não gostar ou ter medo de cães.

Responder

Deve ser muito angustiante para você quando sua filha se torna tão chateado e histérica por causa de seu medo de animais, mas no entanto extrema reação dela parece ser agora, é provável que ela vai crescer com isso ao longo dos próximos anos.

Entre as idades de dois e quatro muitas crianças desenvolvem um forte medo de algo, medo de animais ou do escuro são dois dos mais comuns.

O que quer que os pais fazem, ou não fazem, a grande maioria das crianças vai perder esse medo à medida que envelhecem e podem simplesmente fazer com que você e sua filha mais angústia do que vale a pena tentar "dessensibilizar" ela cães deliberadamente expondo seu para eles - mesmo que seja apenas filhotes fofinhos!

É importante não para ridicularizar seus medos, mas ao mesmo tempo sempre que cães ou pássaros vêm na conversa que você precisa para falar sobre eles de uma forma positiva.

Se você se deparar com um cão quando você está fora com a sua filha mostrar a ela que você está relaxado e sem medo, mas não forçá-la a chegar perto dele.

Como ela fica mais velha pode valer a pena um pouco de exposição suave para cães de amigos, mas no momento eu acho que isso só seria induzir o tipo de reação apavorada você descreveu.

Se serve de consolo, um dos meus filhos estava petrificada de cães com a idade de três ou quatro, mas pelo tempo que ele tinha sete anos, e estava vindo regularmente em contato com os cães de um amas, tornou-se bastante descontraído sobre tê-los ao seu redor. Ele vai ficar melhor, eu prometo!